Skip to content

Dúvida do internauta: como embutir imposto no cachê

26 julho 2010
por Leo Salazar

Recebi a seguite pergunta pelo e-mail:

“Quero receber R$ 3.000 de cachê líquido. O imposto da nota fiscal é de 16,33%. Qual o valor bruto que devo cobrar do contratante?”

O primeiro passo é transformar a alíquota da nota fiscal em número decimal.

a) 16,33% (por cento) é o mesmo que 16,33 / 100 = 0,1633.

O segundo passo é diminuir o número decimal do valor inteiro.

b) 1 – 0,1633 = 0,8367

O terceiro e último passo é dividir o valor do cachê líquido pelo resultado acima.

c) 3.000 / 0,8367 = 3.585,51

Pronto, o valor bruto a ser cobrado do contratante é R$ 3.585,51.

TIRA-TEIMA

3.585,51 (valor bruto)

- 585,51 (impostos = 16,33% de 3.585,51)

= 3.000,00 (valor líquido)

DICA

Nunca cobre o valor exato da conta (R$ 3.585,51), mas um valor maior, para ter uma margem de negociação (R$ 3.800,00 – por exemplo).

5 respostas Responda →
  1. Viviane permalink
    julho 26, 2010

    Estou tão orgulhosa desse meu irmão !!!! kkkkkkkkkkkkk

  2. Rogério permalink
    abril 29, 2013

    Léo, bom dia!

    Fiquei com uma duvida, se eu pegar o valor de 3.000,00 * 16,33% = 489,90, esse resultado não seria o valor do imposto a recolher sobre o valor do serviço prestado?

    • alvaro permalink
      junho 3, 2013

      A ideia era receber 3000,00 já descontando os impostos. no caso o calculo foi para colocar o imposto por dentro do valor do serviço.

      3.585,51 (valor bruto)

      - 585,51 (impostos = 16,33% de 3.585,51)

      = 3.000,00 (valor líquido)

      Obs.: lembrem de calcular todo tipo de imposto que vc vai pagar IRPF,IRPJ,ISS…

  3. Luis Antonio permalink
    junho 13, 2013

    Alvaro existe um calculo que é mais descomplicado:

    16,33% percentual do imposto
    3.000,00 valor liquido a receber

    Calculo:

    100 – 16,33 = 83,67

    3.000,00 / 83,67% = 3.585,51 valor a ser cobrado com o imposto.

  4. Zenaide permalink
    maio 8, 2014

    Por favor fiquei com duvidas, quando se trata de impostos de PF, INSS e IRRF (tabelas progressivas) como proceder o mesmo raciocinio??? tem jeito?

Comente!

Note: Você pode usar o XHTML básico nos seus comentários. Seu endereço de email nunca será publicado.

Assine o feed de comentários via RSS